Greve de ônibus atinge parte das linhas de Guarulhos nesta sexta

Passageiros de Guarulhos enfrentam problemas no transporte público na manhã desta sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016. Funcionários da empresa Real Transportes Metropolitanos cruzaram os braços no início da operação.

Os trabalhadores alegam falta de segurança no trabalho, a exemplo de um mecânico-eletricista que sofreu uma descarga elétrica e morreu dentro da garagem. Esta não foi a primeira ocorrência do tipo nas dependências da viação.

São cerca de 65 veículos que rodam em cinco linhas intermunicipais, gerenciadas pela EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos, e grande parte das linhas cobrem o trajeto entre Guarulhos e a linha 1 azul do metrô.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

​Obras de modernização alteram circulação dos trens neste fim de semana, 27 e 28 de fevereiro

​Neste final de semana, 27 e 28 de fevereiro, a CPTM prosseguirá com as obras de modernização em algumas de suas linhas. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e antecipe sua viagem:

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Sábado: a partir das 20h até o fim da operação comercial, haverá obras de modernização no sistema de rede aérea e nos equipamentos de via permanente entre as estações Perus e Caieiras. O intervalo médio entre as estações Luz e Pirituba será de 12 minutos e, entre Pirituba e Francisco Morato, de 24 minutos.

Domingo: das 4h à meia-noite, as obras de modernização no sistema de rede aérea e nos equipamentos de via permanente serão retomadas entre as estações Perus e Caieiras. Durante toda a operação comercial, também será feita a pintura das passarelas da Estação da Luz. Os trens da Linha 7 circularão até a Estação Brás. O intervalo médio entre as estações Brás e Pirituba será de 15 minutos e, de Pirituba a Francisco Morato, 30 minutos.

Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)

Sábado: a partir das 20h até o fim da operação comercial, ocorrerão intervenções no sistema de sinalização entre as estações Engenheiro Cardoso e Itapevi. O intervalo médio entre as estações Júlio Prestes e Barueri será de 10 minutos e, de Barueri a Itapevi, de 20 minutos.

Domingo:  das 4h à meia-noite, serão realizados serviços no sistema de rede aérea nas imediações da Estação de Osasco. Das 4h às 19h, prosseguirão os trabalhos no sistema de sinalização entre as estações Engenheiro Cardoso e Itapevi. O intervalo médio entre as estações Júlio Prestes e Barueri será de 10 minutos e, de Barueri a Itapevi, de 20 minutos. Após às 19h, o intervalo médio entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 10 minutos.

Linha 9-Esmeralda (Osasco – Grajaú)


Domingo: das 4h à meia-noite, em razão de serviços no sistema de rede aérea na Linha 8-Diamante, nas imediações da Estação Osasco, a circulação ficará interrompida entre Osasco e Presidente Altino. Para completar a viagem, o usuário deverá utilizar os trens da Linha 8-Diamante. Das 8h às 20h, haverá intervenções nos equipamentos de via entre as estações Morumbi e Granja Julieta. Das 8h às 20h, o intervalo médio entre as estações Presidente Altino e Grajaú será de 15 minutos. Nos demais horários, o intervalo programado será de 10 minutos.

Linha 11-Coral / Expresso Leste (Luz – Guaianases)

Domingo: das 4h à meia-noite, ocorrerão intervenções nos equipamentos da via permanente, no trecho entre Tatuapé e Corinthians-Itaquera. Durante toda a operação comercial, também será feita a pintura das passarelas da Estação da Luz. Por isso, a circulação ficará interrompida entre as estações Brás e Luz. Para completar a viagem, o usuário deverá utilizar os trens da Linha 7-Rubi. O intervalo médio entre as estações Brás e Guaianases será de 22 minutos.
 
Linha 11-Coral / Extensão (Guaianases – Estudantes)


Domingo: das 4h às 14h, haverá trabalhos de desmontagem da Estação Suzano. Das 15h até meia-noite, os serviços ocorrerão no sistema de rede aérea, por conta das obras de modernização da Estação Poá. O intervalo médio será de 22 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes
                                        
Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

Sábado e domingo: das 20h de sábado até a meia-noite de domingo, serão realizadas obras de modernização no sistema de rede aérea, entre as estações Engenheiro Goulart e Comendador Ermelino. O intervalo médio será de 35 minutos em toda a linha.

Desafio: A CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.

Vimos na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

CPTM fará audiência pública para as obras da Estação Francisco Morato

A CPTM realizará duas audiências públicas no dia 8 de março, com o objetivo de ouvir a população e prestar esclarecimentos aos interessados no processo licitatório a ser realizado, para as obras de reconstrução da Estação Francisco Morato, na Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato – Jundiaí). A primeira, às 9h, será no Auditório do CSU – Centro Social Urbano de Francisco Morato. Às 15h, ocorrerá a segunda, no Auditório do Centro de Treinamento e Desenvolvimento da CPTM, na Lapa. ​

O certame contempla a contratação de empresa para executar as obras civis da estação, instalar equipamentos de via permanente, sistema elétrico de tração e rede aérea, além de serviços de meio ambiente.

Com o custo total da obra estimado em R$ 153 milhões, a nova estação terá plataformas amplas e cobertas, elevadores, escadas rolantes, sistema de orientação visual para os usuários e padronização arquitetônica, de acordo com as novas estações da Companhia.

A estação Francisco Morato atende, diariamente, cerca de 34 mil passageiros. Com a modernização, o novo edifício contemplará todos os itens de acessibilidade e beneficiará os moradores da zona noroeste da Região Metropolitana de São Paulo, onde embarcam com destino a Jundiaí e a cidade de São Paulo.

A Linha 7-Rubi (Luz-Francisco Morato-Jundiaí) atende cerca de 430 mil passageiros por dia e contempla sete municípios, entre eles Caieiras, Franco da Rocha e Campo Limpo Paulista. O edital poderá ser publicado, 15 dias uteis, após a realização das audiências públicas, conforme legislação em vigor.

Contrato encerrado
A obra de reconstrução da Estação Francisco Morato foi paralisada em 2014 pela Justiça, a pedido da empresa vencedora da licitação para a realização dos serviços. O processo judicial foi extinto somente no fim do ano passado após a rescisão do contrato com a empresa Heleno & Fonseca, o que possibilita a CPTM realizar nova licitação.
 
Vimos na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Metrô deve rescindir mais contratos com empreiteiras na Linha 17

Imagem: Sergio Mazzi

Mais um contrato de construção do Monotrilho da Linha 17-Ouro [Aeroporto de Congonhas – Morumbi] deve ser rescindido, desta vez o que diz respeito a obras civis do elevado, sob responsabilidade das empresas Andrade Gutierrez e CR Almeida. As informações são do Jornal “Valor Econômico”.

Em janeiro outros dois contratos já haviam sido suspensos (Via Trolebus) com os mesmos grupos empresariais, referente ao pátio de manobras e manutenção “Aguá Espraiada” e estações.

As empresas dizem ter dificuldades na liberação de projetos, por parte do Metrô. “Há meses as empresas buscam uma negociação com o Metrô em relação aos problemas enfrentados nas obras, como a falta de liberações de frentes de serviço, fornecimento de projetos executivos e interfaces com demais contratos da Linha 17, atividades estas de responsabilidade do Metrô de São Paulo.”, diz as empresas.

O Metrô por sua vez diz que as construtoras omitiram informações e que foram derrotadas na Justiça. O Governo estadual busca agora a mesma solução adotada nos contratos rescindidos em janeiro: que as empresas que ficam em segundo lugar na licitação da obra, assumam as construções.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Unidade da Scomi em Taubaté deve fornecer monotrilhos para São Paulo

O Consórcio entre a Scomi e a MPE para fornecimento dos trens da Linha 17-Ouro deve ser rompido, de acordo com publicação do jornal “Valor Econômico”. Segundo a empresa Malásia que fabrica monotrilhos, se trata de um “acordo para encerramento da parceria”, visando a expansão dos negócios no Brasil.

A MPE também esteve presente em uma parceria para reformas dos trens do Metrô, mais especificamente a frota K, e está sendo investigada na Operação Lava-Jato, da polícia federal.

A publicação ainda traz a informação de uma fonte onde a fabricação dos monotrilhos estaria paralisada a seis meses no Rio de Janeiro, nas dependências da MPE. A Scomi deve assumir a encomenda na fabricação de 14 trens de 5 carros, que corresponde a primeira fase da linha entre o Aeroporto e o Morumbi. Os dois primeiros trens estão sendo fabricados na Malásia. Outros componentes dos monotrilhos já foram fabricados no Rio.

Sobre o cronograma de entrega dos trens, a Secretaria dos Transportes Metropolitanos de São Paulo disse em nota ao jornal que não há atraso na entrega do material rodante do consórcio.

Nova unidade em Taubaté
Segundo ainda informações da Scomi, uma nova unidade da empresa em Taubaté (SP) irá atender, além da Linha 17-Ouro, projetos futuros, como da Linha 18-Bronze.

Em setembro de 2015, segundo publicação do site Railway Gazette, entre os mercados desejado por uma parceria entre a Scomi e a Skoda era o brasileiro. No ano passado ambas as empresas assinaram um acordo elaboração de projetos de transportes de massa e desenvolvimento de veículos leves sobre trilhos.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Alckmin promete primeiras inaugurações da Linha 5 no ano que vem

Na semana passada noticiamos aqui no Via Trolebus a chegada da tuneladora no Poço Bandeirantes, da Linha 5-Lilás, ocorrida na sexta-feira, 19 de fevereiro. Os trabalhos foram acompanhados por autoridades, como o Governador Geraldo Alckmin.

Na data, Alckmin arriscou em dar prazos sobre as entrega das estações, sendo que três delas poderão ser abertas à população no ano que vem, em julho: Alto da Boa Vista, Borba Gato e Brooklin. As demais estações, com exceção de Campo Belo, que será entregue em março de 2018, devem estar prontas em dezembro de 2017.

Concessão
A linha que atualmente liga o Capão Redondo até a estação Adolfo Pinheiro, e que esta sendo estendida até a Chácara Klabin, passando pela Santa Cruz deve ser concedida. O anúncio foi feito no ano passado, e a parceria pode englobar a operação do Monotrilho da Linha 17-Ouro [Aeroporto de Congonhas – Morumbi].

Vamos abrir a concessão e o setor privado vai operar toda a Linha 5-Lilás, inclusive o trecho que já está concluído e em funcionamento. Quem vencer, vai operar de Capão Redondo até Chácara Klabin”, disse Alckmin na época.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obras do monotrilho da Linha 17 Ouro serão retomadas em março

O secretário de Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, afirmou nesta sexta-feira, 19 de fevereiro, que as obras do monotrilho da Linha 17-Ouro devem se retomadas no mês de março.

A construção do monotrilho que vai ligar o aeroporto até a estação Morumbi da CPTM estava parada desde quando o governo estadual e o Consórcio Monotrilho Pátio (formado pelas empresas Andrade Gutierrez e CR Almeida) romperam contrato. Agora as empresas que ficaram em segundo lugar no processo licitatório devem assumir as obras.

“No final deste mês, as empresas que ficaram em segundo lugar [na licitação], que já foram contatadas, vão responder formalmente se aceitam os termos ou não, porque elas devem aceitar o mesmo preço ofertado pela primeira colocada. Então nós estamos muito animados, as empresas estão interessadas. Espero até o final do mês de março retomar as obras nesses dois trechos”, disse o secretário.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Funcionários da CPTM adiam reunião que definiria greve

A assembleia que definiria se os trabalhadores da CPTM entrariam em greve ficou para a próxima semana. O encontro previamente marcado para esta sexta-feira (19) foi adiado para a próxima segunda-feira (22). A reunião deve definir se haverá ou não paralisação total na circulação de trens.

A classe reivindica melhores condições de trabalho, além da redução na aumento da meta de usuários atendidos. Outro ponto contestado pelos é em relação a PPR (Programa de Participação nos Resultados). De acordo com os sindicatos dos trabalhadores da Companhia, a proposta de 2015 deixa os funcionários sem bonificação.

Em junho de 2015, os funcionários das linhas 7, 10, 11 e 12 decidiram cruzar os braços. A paralisação, porém, não durou mais do que um dia.


Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Segundo shield conclui escavação na Linha 5 Lilás

Fotos: A2img / Eduardo Saraiva

Uma das tuneladoras responsáveis por escavar túneis nas obras da Linha 5-Lilás do Metrô de São Paulo concluiu os trabalhos. Nesta sexta-feira, 19 de fevereiro, o shield batizado de “Lina” chegou ao poço de serviço Bandeirantes, e concluiu o segundo túnel de 4,9 quilômetros do prolongamento da Linha, entre as estações Adolfo Pinheiro (em operação desde agosto de 2014) e Campo Belo (em construção).

O maquinário iniciou as escavações de um dos túneis em 2013, e passou por debaixo das avenidas Vereador José Diniz e Santo Amaro. A outra tuneladora “Tarsila”, fez o mesmo trajeto em paralelo e concluiu as escavações em novembro de 2015.

O local onde foram encerrados os trabalhos foi ponto de partida de um outro tatuzão, que escava um túnel em destino a Chacara Klabin. O maquinário já ultrapassou a estação Santa Cruz, parada anterior ao ponto final no encontro da Linha 5-Lilás com a Linha 2-Verde.

tatuzoes-l5

O Governo Estadual prevê a entrega de toda a extensão, de Adolfo Pinheiro até o bairro da Vila Mariana até 2018. Serão então 20 km de extensão e 17 estações entre o Capão Redondo Chácara Klabin, com previsão de demanda diária de passageiros estimada em cerca de 781 mil.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obras de modernização alteram circulação dos trens neste fim de semana, 20 e 21 de fevereiro

​Neste final de semana, 20 e 21 de fevereiro, a CPTM prosseguirá com as obras de modernização em algumas de suas linhas. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e antecipe sua viagem:

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Sábado: a partir das 20h até o fim da operação comercial haverá obras de modernização no sistema de rede aérea entre as estações Perus e Caieiras. O intervalo médio entre as estações Luz e Pirituba será de 12 minutos e, entre Pirituba e Francisco Morato, de 24 minutos.

Domingo: das 4h até meia-noite, as obras de modernização no sistema de rede aérea serão retomadas entre as estações Perus e Caieiras. Das 8h30 às 22h, também haverá serviços de pintura nas passarelas da Estação da Luz. Os trens da Linha 7 circularão até a Estação Brás. O intervalo médio entre as estações Brás e Pirituba será de 15 minutos e, de Pirituba a Francisco Morato, 30 minutos.

Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)

Domingo:  das 4h até o fim da operação comercial, os trabalhos serão realizados no sistema de rede aérea entre as estações Júlio Prestes e Palmeiras-Barra Funda. O intervalo médio entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 13 minutos. Das 8h às 20h, também serão realizados serviços nos equipamentos de via permanente na região da Estação Carapicuíba. Nesse período o intervalo médio será de 20 minutos entre as estações Júlio Prestes e Itapevi.

Linha 11-Coral / Expresso Leste (Luz – Guaianases)

Domingo: das 4h até o fim da operação comercial serão executados serviços no sistema de rede aérea e nos equipamentos da via permanente, no trecho entre Brás e Luz. A circulação ficará interrompida entre essas estações. Para completar a viagem, o usuário deverá utilizar os trens da Linha 7-Rubi. O intervalo médio entre as estações Brás e Guaianases será de 20 minutos.

Linha 11-Coral / Extensão (Guaianases – Estudantes)

Sábado: das 19h30 de sábado até o fim da operação comercial haverá intervenções no sistema de rede aérea, por conta das obras de modernização da Estação Poá. O intervalo médio será de 22 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.

Domingo: das 4h à meia-noite, os trabalhos decorrentes da obra de modernização da Estação Poá ocorrerão no sistema de rede aérea e nos equipamentos da via permanente. O intervalo médio será de 20 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.
                                       
Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

Domingo: das 4h à meia-noite serão realizadas obras de modernização no sistema de rede aérea, entre as estações Engenheiro Goulart e USP-Leste, além de intervenções nos equipamentos de via permanente, entre Engenheiro Manoel Feio e Calmon Viana. O intervalo médio será de 35 minutos em toda a linha.

Desafio: A CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Fim do horário de verão: os trens vão operar por uma hora a mais de sábado (20) para domingo (21). Com a mudança de horário (atraso em uma hora), os passageiros poderão embarcar até a 1h do novo horário, na madrugada deste domingo.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.

Vimos na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Trens do Metrô e da CPTM circularão uma hora a mais com o fim do horário de verão

Na madrugada do próximo sábado (20) para domingo (21), quando termina o Horário de Verão e os relógios serão atrasados em uma hora, o Metrô e a CPTM estenderão por uma hora o horário de funcionamento das estações. A medida também será adotada na Linha 4-Amarela (Butantã-Luz), que é operada pela concessionária ViaQuatro. Em função da mudança, os passageiros poderão embarcar até a 1h do horário novo (2h do horário antigo).

Com a ampliação do horário de circulação dos trens, o número de viagens ofertadas na rede também será maior. Na Linha 1-Azul (Jabaquara-Tucuruvi), foram programadas 20 viagens adicionais. Na Linha 2-Verde (Vila Prudente-Vila Madalena), haverá acréscimo de 24 partidas. Os usuários da Linha 3-Vermelha (Corinthians/Itaquera-Palmeiras/Barra Funda) também se beneficiarão com a medida e contarão com oferta de 21 viagens extras. E na Linha 5 (Capão Redondo-Adolfo Pinheiro) a programação prevê 16 viagens a mais. 

No domingo (22), já com o horário ajustado, todas as estações do metrô reabrem no horário habitual, às 4h40, na CPTM, às 4h. Em relação ao horário de funcionamento do monotrilho da Linha 15-Prata, que atende diariamente das 6h às 20 horas, não haverá mudanças.

Para mais informações sobre a operação da rede metroviária, os usuários têm à disposição a Central de Informações do Metrô (tel. 0800 770 7722), que funciona todos os dias, das 5h30 às 23h30. Já a Central de Atendimento da ViaQuatro (concessionária da Linha 4-Amarela) atende pelo tel. 0800 770 7100, de segunda a sexta-feira, das 6h30 às 22 horas, e aos sábados e domingos, das 8h às 18 horas. Na CPTM, o
Serviço de Atendimento ao Usuário atende pelo telefone 0800 055 0121, 24 horas.
 
Ciclovia Marginal Pinheiros: Até o dia 27 de março, o horário de acesso para a ciclovia ficará aberto das 5h às 19h30. A medida visa atender aos pedidos dos ciclistas que passam pelo local. A partir de 28/3, volta a vigorar o horário das 5h30 às 18h30.
 

Vimos no Metrô/SP e na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Funcionários do Metrô de São Paulo entram em estado de greve

O sindicato dos Metroviários de São Paulo entraram em estado de greve, após assembleia realizada no dia 16 de fevereiro. Segundo a categoria, ações do Metrô por conta da crise econômica vem desfavorecendo os trabalhadores, como suspensão de férias, falta de quadro e não contratação.

Uma nova assembleia esta marcada para o dia 29 de fevereiro, e caso não chegarem a um acordo, o sindicato promete paralisar as atividade o dia 1º de março. Se de fato ocorrer a paralisação, as linhas 1-Azul, 2-verde, 3-Vermelha e 5-lilás terão a circulação afetada.


Vimos no Via Trolebus
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Funcionários da CPTM prometem greve para o dia 20

Em Estado de Greve desde o dia 3 de Fevereiro, trabalhadores da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) prometem paralisar as atividades no próximo dia 20 de Fevereiro, sábado. No começo do mês apenas o sindicato dos ferroviários de São Paulo que representa os funcionários das Linhas 7-Rubi e 10-Turquesa havia se manifestado a favor da paralisação.

Agora, também o Sindicato dos Ferroviários da Central do Brasil, que corresponde as linhas 11-Coral e 12-Safira, da Zona Sorocabana (linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda) e dos Engenheiros prometem cruzar os braços, de acordo com publicação do site “Rede Brasil Atual“.

A principal reivindicação e a revisão da proposta do Programa de Participação nos Resultados (PPR) de 2015, que, segundo os trabalhadores, deixa os ferroviários sem bonificação.

“Se a companhia tivesse buscado acordo conosco não estaríamos nessa situação. Agora os trabalhadores não aceitam a proposta da empresa”, afirmou o presidente do Sindicato dos Ferroviários de São Paulo, Eluiz Alves Matos.

Uma nova rodada de negociação esta marcada para o dia 19. No mesmo dia, uma assembleia entre os trabalhadores deve decidir sobre o futuro da paralisação.

A públicação não trouxe a posição da CPTM perante a ameaça de greve. No começo do mês, a companhia informou que estava “avaliando a situação para adotar as providências cabíveis”.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Tatuzão começa escavar túneis da Linha 6 Laranja em setembro


A construção da Linha 6-Laranja do Metrô deve ganhar dois shields, popularmente conhecido como Tatuzão, de acordo com anuncio do Governador Geraldo Alckmin. O início das perfurações começa em setembro.

“Em setembro começará a operar o Shield da Linha 6-Laranja, um ‘mega- tatuzação’, com 10,20 metros de largura, que desembarcará no porto de São Sebastião em maio, chega em junho e vai direto para a estação São Joaquim”, disse o governador. O segundo equipamento chegará no mesmo mês, e começará a trabalhar em 2017.

Com previsão de operação e 2020, a Linha 6 terá 15 estações e 15,3 km de extensão, com atendimento a mais de 633 mil pessoas por dia. Esta sendo tocada por uma Parceria Público Privada entre o Governo Estadual e o Consórcio Move São Paulo.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Linhas da CPTM tem trechos interrompidos nesta segunda (15)

Em decorrência das fortes chuvas que atingem a Região Metropolitana de São Paulo, os trens da Linha 10-Turquesa da CPTM não circularam entre as estações Santo André e Guapituba. O problema teve início por volta das 14h40. A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos informou que ônibus gratuitos devem cobrir o trecho interrompido.

Por volta das 16h50 a circulação foi retomada, mas as composições operavam com velocidade reduzida e maior tempo de parada.

Linha 7-Rubi
Por volta das 18h00, o trecho entre as estações Jundiaí e Francisco Morato, que corresponde a extensão operacional da Linha 7-Rubi foi interrompido por decorrência de alagamentos. A CPTM informou que ônibus cobririam o trecho paralisado. 

Linha 9-Esmeralda
A linha ferroviária que liga Osasco ao Grajaú também teve problemas em decorrência de falta de energia. Por volta das 15h50 a circulação era restrita em todo o trecho da Linha 9.

Linha 12-Safira
As fortes chuvas afetaram também a Linha 12-Safira em toda sua extensão, do Brás até Calmon Viana. O problema foi registrado por volta das 15h50.

Metrô
Por volta volta das 15h20, a circulação de trens na Linha 5-Lilás estava com velocidade reduzida por conta das chuvas.

Trólebus da Metra
Por conta de alagamento na região da Avenida Brigadeiro Faria Lima, em São Bernardo do Campo, os trólebus do corredor São Mateus-Jabaquara operaram com atrasos, de acordo com a concessionária Metra, via twitter. O sistema também teve problemas na região da parada do Bonfim, em Santo André, por conta de queda de energia.
 
Estado de Atenção
Às 15h26, toda a cidade de São Paulo estava em estado de atenção em decorrência da tempestade que atingia a capital paulista. Os bairros do Ipiranga e Capela do Socorro estavam em estado de alerta, com a possibilidade de transbordamento de córrego.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

CBTC passa a operar todos os dias na Linha 2 Verde

A linha 2-Verde [Vila Madalena – Vila Prudente] do Metrô de São Paulo esta operando com o novo sistema de sinalização, o CBTC (Controle de Trens Baseado em Comunicação) todos os dias da semana. Desde o início da implantação até este mês, os testes eram feitos apenas aos sábados e domingos.
 
Nesta semana, os trens modernizados da frota J que possuem configuração para operar apenas nesta tecnologia, rodavam na ligação metroviária entre a Zona Oeste e Leste. A informação foi confirmada em nota pelo Metrô ao portal Via Trolebus.

A companhia adquiriu a nova sinalização da empresa Alstom em 2008 com o objetivo de reduzir o intervalo nas linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-vermelha. A funcionalidade poderá aumentar a capacidade de transporte em até 20%.

Posteriormente, a empresa deve instalar o CBTC nas linhas 1-Azul e depois na 3-vermelha. A tecnologia é usada em alguns sistemas do mundo, como Nova York, Londres e Paris, e no Brasil esta presente nas linhas 4-Amarela e 15-Prata.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Linha 11 Coral da CPTM deve ganhar novos trens em março

Fotos: A2img / Eduardo Saraiva

Após inaugurar a nova estação Suzano, na Linha 11-Coral da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), o governador Geraldo Alckmin disse que dois novos trens devem ser incorporados à frota. “A partir de março serão mais dois trens novos, cada um com oito carros, totalizando 16 carros a mais para a linha 11-Coral” – disse o governador.

A CPTM adquiriu 65 novas composições, sendo 35 da empresa Caf, e 30 da Hyundai Rotem. Por hora, a CPTM recebeu os primeiros trens da empresa de origem Espanhola.

linha11-cptm3

Segunda fase da obra
A estação, no entanto, ainda não esta completa. Sem dar prazos, a Companhia promete entregar uma segunda plataforma, junto com o maior bicicletário administrado pela CPTM, com 536 vagas. Com a estrutura completa, será possivel a viagem do Expresso Leste direta entre a Luz e Suzano, sem que o usuário tenha que fazer a baldeação em Guaianazes.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obras de ​modernização alteram circulação dos trens neste fim de semana, 13 e 14 de fevereiro

Neste final de semana, 13 e 14 de fevereiro, a CPTM retomará as obras de modernização em algumas de suas linhas. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e antecipe sua viagem:

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Sábado: a partir das 20h até o fim da operação comercial haverá obras de modernização no sistema de rede aérea entre as estações Pirituba e Caieiras. O intervalo médio entre as estações Luz e Pirituba será de 12 minutos e, entre Pirituba e Francisco Morato, de 24 minutos.

Domingo: das 4h até meia-noite, as obras de modernização no sistema de rede aérea serão retomadas entre as estações Pirituba e Caieiras. Das 5h às 20h, também ocorrerão intervenções no sistema de sinalização, nas proximidades da Estação Franco da Rocha. O intervalo médio entre as estações Luz e Francisco Morato será de 24 minutos.

Extensão Linha 7-Rubi (Francisco Morato – Jundiaí)

Domingo: das 7h às 18h, as intervenções ocorrerão no sistema da rede aérea e nos equipamentos da via permanente entre as estações Francisco Morato e Botujuru O intervalo médio entre as estações Francisco Morato e Jundiaí será de 30 minutos.
 ​​
Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)

Domingo: das 4h à meia-noite, os trabalhos serão realizados no sistema de rede aérea entre as estações Lapa e Imperatriz Leopoldina. Das 8h às 20h, também haverá serviços nos equipamentos de via permanente entre as estações Carapicuíba e Santa Terezinha. O intervalo médio entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 25 minutos.

Extensão Linha 11-Coral (Guaianases – Estudantes)

Domingo: das 6h às 15h, em razão das obras de modernização da Estação Poá, o intervalo médio será de 20 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.

Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

Domingo: das 4h até meia-noite serão realizadas obras de modernização no sistema de sinalização entre as estações Tatuapé e USP-Leste. O intervalo médio será de 25 minutos em toda a linha.

Desafio: A CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.

Vimos na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Alckmin inaugura primeira fase da estação da CPTM em Suzano

Após vários adiamentos, estação será aberta ao público às 4h de sexta (12). Nova licitação será aberta em março para a conclusão da 2ª etapa. 

Governador entregou nova estação de Suzano  (Foto: Maiara Barbosa/ G1)Governador entregou nova estação de Suzano (Foto: Maiara Barbosa/ G1)
 
O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, esteve em Suzano na manhã desta quinta-feira (11) para fazer a entrega da primeira etapa das obras de reconstrução da estação de Suzano, que atende a Linha 11-Coral (Luz - Estudantes), da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). O prédio, que começou a ser reformado em 2011, a princípio, deveria ter sido inaugurado em 2013. No total, foram nove adiamentos. A nova estação será aberta ao público às 4h desta sexta (12).

De acordo com Alckmin, com a nova estação, a região receberá mais viagens do Expresso Leste. "A partir de amanha [sexta] serão mais seis trens do Expresso Leste para evitar baldeação. Isso é 20% a mais de trem. Em março a Linha 11 da CPTM receberá mais dois novos trens com ar-condicionado", explica o governador. Antes eram 24 viagens e, a partir desta sexta, serão 30.

De acordo com o governo do Estado, nesta primeira etapa, das 14 escadas rolantes já instaladas, 6 entrarão em operação e, dos 4 elevadores implantados, 3 operam. Os demais equipamentos, segundo o governo, integram a segunda etapa, quando a estação terá uma nova plataforma. Segundo o governador, uma nova licitação será aberta para a escolha da empresa que concluirá o serviço, previsto para ser entregue em 2017. "Essa nova licitação será aberta em março", diz.

Vistorias
Entre o final de janeiro e começo deste mês, o presidente da CPTM, Paulo Magalhães, fez duas visitas nas obras da estação. Segundo ele, as vistorias serviam para acelerar os trabalhos. "É um monitoramento para vermos se o que planejamos aconteceu", explica.

Outra questão que chamou a atenção durante a última visita do presidente foram as catracas que, aparentemente, eram usadas. "Se a gente puder reaproveitar catracas que já são utilizadas não tem problema. Elas não fazem parte da obra, são patrimônio da CPTM. Elas têm uma inteligência acoplada", explica Magalhães.

Adiamentos
O prazo inicial para a entrega da estação era o final de 2013. Na época, a CPTM informou que o cronograma da Estação Suzano foi alterado devido a entraves não previstos durante os processos de desapropriação, além das obras de segregação do transporte de carga, que também provocaram atrasos.
Depois, chegou a ser informado que a estrutura seria inaugurada em 2014. A data foi adiada para 2015 e agora a promessa é de que tudo fique pronto em janeiro de 2016.

Segundo a CPTM, um dos motivos para os sucessivos atrasos são os entraves burocráticos durante o processo de desapropriação de alguns imóveis no entorno do estação. Outra dificuldade foi em relação à separação de uma linha exclusiva para a MRS Logística, que opera os trens de carga.

Vimos no G1

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Estado busca parceria com Coreia do Sul para Trem Intercidades

Foto: Trem fabricado pela Hyundai Rotem para Ucrânia 

Uma comitiva com integrantes do Governo do Estado de São Paulo deve visitar em abril a Coreia do Sul, com o objetivo de firmar um convênio e parceria para estudos da futura rede de trens intercidades, que vai ligar a capital paulista ao litoral e interior.

A informação foi postada no site da prefeitura de Araraquara, onde o prefeito da cidade, Marcelo Barbieri, esteve em reunião com secretário dos Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni.

Nas palavras de Pelissioni, a nova fábrica da Hyundai Rotem, instalada na região, deve abrir caminho para as linhas ferroviárias. “a Hyundai Rotem foi uma grande conquista para Araraquara. Sua instalação impulsiona o segmento metroferroviário e ajuda todo o Estado de São Paulo”, afirmou o secretário.

Projeto
De acordo com planos do governo estadual, inicialmente as regiões de Sorocaba, Campinas, São José dos Campos e Santos seriam ligadas por um trem de média velocidade. O projeto foi anunciado na gestão passada do Governador Geraldo Alckmin, e a última notícia de que se tem, é que a administração estadual negociava com o Governo Federal o uso da faixa de domínio por onde o trem passaria, já que o espaço fica em grande parte do trajeto ao lado dos trens de carga​, sob concessão da União.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Governo Federal valida empréstimo ao Estado para Linha 6 do Metrô

 
Foto: Eduardo Saraiva – Obras na futura estação Freguesia do Ó

Segundo despacho publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta semana, o Ministério da Fazenda ratificou garantia de financiamento de R$ 690 milhões para obras da Linha 6-Laranja do Metrô de São Paulo. Tratam-se de dois contratos entre União e Estado de São Paulo, com a interveniência da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.

As obras da nova ligação estão em execução, e são tocadas por meio de uma Parceria Público Privada (PPP), com o Consórcio Move São Paulo. Com 15,3 quilômetros de extensão e 15 estações, a novo trecho passará por centros comerciais e regiões onde estão localizadas importantes instituições de ensino.

mapa-linha6-laranja-l6

De acordo com o Consórcio, quando entrar em operação em 2020, a expectativa é que a Linha 6-Laranja transporte 633 mil passageiros por dia. Vinte e dois trens devem operar no trecho entre a Estação São Joaquim e a Brasilândia.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
1 Comentários

1 comentários:

Prefeitura retoma licitação do segundo trecho da M ‘Boi Mirim

Foto: Márcia Brasil – Divulgação
Foi retomada a licitação de requalificação do segundo trecho do corredor de ônibus na Estrada do M ‘Boi Mirim, na Zona Sul de São Paulo. O processo estava suspenso por exigência do Ministério das Cidades, órgão responsável pela liberação dos recursos do PAC – Programa de Aceleração do Crescimento. As informações são do Blog Ponto de Ônibus.

São 5 quilômetros de corredores exclusivos para o transporte coletivo entre a Rua Ribeiralta e Avenida dos Funcionários Públicos.

Outros corredores
Nesta semana a prefeitura de São Paulo divulgou que deve licitar novamente corredores de ônibus que tiveram o certame interrompido por determinação do TCM – Tribunal de Contas do Município e do TCU – Tribunal de Contas da União. Os tribunais alegaram sobrepreço e erros de projeto.

Entre os corredores estão o da Radial Leste e Itaim Paulista, na Zona Leste da capital. O corredor da Avenida dos Bandeirantes, que vai ligar a Vila Prudente até Pinheiros, está em fase final de homologação.

A notícia vem acompanhada de uma outra em que o município pretende obter financiamento de R$ 2 bilhões para as obras. (Leia mais)

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Funcionários da CPTM entram em estado de Greve

Funcionários da CPTM decidiram entrar em estado de Greve, em assembleia realizada nesta quarta-feira, dia 03 de fevereiro de 2016. Um dos sindicatos que representa os trabalhadores rejeitou proposta da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos.

Nas palavras dos sindicalistas, “a empresa vem com um retrocesso em relação ao PPR de 2014 e não levou em conta as discussões durante as negociações do ACT- 2015 no TRT.”. O Grupo diz ainda que “desde julho do ano passado estamos em negociação, buscando uma proposta consensual, que respeite nossas conquistas até agora alcançadas”.

O Sindicato dos Ferroviários de São Paulo representa os funcionárias das Linhas 7-Rubi e 10-Turquesa. O Sindicato dos Ferroviários da Sorocabana, que representa as linhas 8-Diamante e 9 Esmeralda e o Sindicato dos Trabalhadores da Central do Brasil, que corresponde as linhas 11-Coral e 12-Safira não divulgaram posição sobre as negociações.

Os trabalhadores prometem nova assembleia no dia 19 de fevereiro. Caso não tenha acordo, os ferroviários prometem greve por tempo indeterminado.

Procurada, a CPTM informou que está avaliando a situação para adotar as providências cabíveis.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obras de modernização alteram circulação dos trens durante o carnaval​

​Neste feriado de carnaval, de 6 e 9 de fevereiro, a CPTM intensificará as obras de modernização em suas linhas. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e antecipe sua viagem:

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Sábado e domingo: das 20h de sábado até a meia-noite de domingo, haverá obras de modernização no sistema de rede aérea entre as estações Franco da Rocha e Baltazar Fidélis. No sábado, o intervalo médio entre as estações Luz e Caieiras será de 12 minutos e, entre Caieiras e Francisco Morato, de 24 minutos. No domingo, o intervalo médio entre Luz e Caieiras será de 15 minutos e, entre Caieiras e Francisco Morato, de 30 minutos.

Segunda e terça: das 20h de segunda até a meia-noite de terça-feira, as obras de modernização no sistema de rede aérea serão retomadas entre as estações Franco da Rocha e Baltazar Fidélis. Na segunda-feira, o intervalo médio entre as estações Luz e Caieiras será de 12 minutos e, entre Caieiras e Francisco Morato, de 24 minutos. Na terça-feira, o intervalo médio entre Luz e Caieiras será de 15 minutos e, entre Caieiras e Francisco Morato, de 30 minutos

​Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)

Sábado: das 17h até o fim da operação comercial, as intervenções ocorrerão no sistema de sinalização entre as estações Jandira e Itapevi. O intervalo médio entre as estações Júlio Prestes e Barueri será de 10 minutos e, entre Barueri e Itapevi, de 20 minutos.

Domingo:  das 4h à meia-noite, as intervenções serão retomadas no sistema de sinalização entre as estações Jandira e Itapevi. No mesmo período, também haverá serviços no sistema da rede aérea nas proximidades da Estação Barueri. O intervalo médio entre as estações Júlio Prestes e Carapicuíba será de 16 minutos e, entre Carapicuíba e Itapevi, de 32 minutos.

Linha 9-Esmeralda (Osasco – Grajaú)

Domingo: das 8h às 20, os trabalhos estarão concentrados na via permanente entre as estações Presidente Altino e Osasco. A circulação ficará interrompida entre essas duas estações. Para completar a viagem, o usuário deverá utilizar os trens da Linha 8-Diamante. Entre as estações Presidente Altino e Grajaú, o intervalo será de 10 minutos.

Terça-feira: das 4h à meia-noite, os serviços serão realizados no sistema de rede área entre as estações Presidente Altino e Osasco. A circulação ficará interrompida entre essas duas estações. Para completar a viagem, o usuário deverá utilizar os trens da Linha 8-Diamante. Entre as estações Presidente Altino e Grajaú, o intervalo será de 10 minutos.

Linha 11-Coral / Expresso Leste (Luz – Guaianases)

Sábado e domingo: das 20h de sábado até a meia-noite de domingo, haverá intervenções na via permanente entre as estações Tatuapé e Corinthians-Itaquera. O intervalo médio será de 20 minutos entre as estações Luz e Guaianases.

Extensão Linha 11-Coral (Guaianases – Estudantes)

Domingo: das 4h até a meia-noite, os serviços no sistema de rede área serão executados entre as estações Guaianases e Ferraz de Vasconcelos. O intervalo médio será de 22 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.

Terça-feira: das 4h às 18h00, os serviços no sistema de rede área serão executados entre as estações Guaianases e Ferraz de Vasconcelos. O intervalo médio será de 22 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.

Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

Sábado, domingo e segunda: das 20h de sábado até a meia-noite de segunda-feira, serão realizadas obras de modernização no sistema de rede aérea e via permanente nas proximidades da Estação Engenheiro Goulart. O intervalo médio será de 35 minutos em toda a linha.

Terça-feira: das 4h às 18h, as obras de modernização no sistema de rede aérea e via permanente ocorrerão entre as estações Tatuapé e Engenheiro Goulart. O intervalo médio será de 20 minutos em toda a linha.

Desafio: A CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.

Vimos na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

CPTM vai rever cronograma de troca de sistema de sinalização

Nesta semana o Via Trolebus divulgou o atraso na implantação no sistema de sinalização nas seis linhas da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que deviam ser finalizadas até 2012.
A assessoria de Imprensa da companhia entrou em contato conosco, e informou que os trabalhos estão temporariamente suspensos por questões financeiras.

“Os novos sistemas de sinalização estão parcialmente implantados em várias linhas. A CPTM suspendeu temporariamente a execução dos contratos em razão de readequação financeira, o que exigirá mudanças no cronograma”, diz a nota da CPTM.

A troca da tecnologia que controla a movimentação dos trens, junto com as 65 novas composições que estão sendo fabricadas, vai permitir a redução do intervalo para 3 minutos. Os contratos preveem a instalação do ATC (Automatic Train Control), nas linhas 7-Rubi, 9-Esmeralda e 12-Safira e do CBTC (Controle de Trens Baseado em Comunicação) na 8-Diamante, 10-Turquesa e 11-Coral.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários: