Obras de modernização alteram circulação dos trens da CPTM e Metrô durante o Carnaval e Metrô antecipa horário na Quarta de Cinzas

Neste feriado de Carnaval, entre os dias 25 e 28 de fevereiro, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) pross​eguirá com as obras de modernização em algumas de suas linhas e o Metrô interditará a a Linha 15-Prata e a Linha 5-Lilás. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. A abertura das estações metroviárias das linhas 1-Azul, 2- Verde, 3-Vermelha e 4-Amarela será antecipada para as 4 horas na Quarta-feira de Cinzas. Confira a programação e antecipe sua viagem:

Linha 5-Lilás (Capão Redondo - Adolfo Pinheiro)

Domingo: No período  das 4h40 às 12h00, os passageiros serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE (Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência) da SPTrans, que circularão ininterruptamente entre as estações Capão Redondo e Adolfo Pinheiro. Os usuários da Linha 9 - Esmeralda da CPTM, que fazem transferência gratuita para o Metrô na estação Santo Amaro, também serão atendidos pelo sistema PAESE. Já as linhas de ônibus da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU) serão remanejadas das estações Capão Redondo e Campo Limpo para a estação Santo Amaro.

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Domingo: das 4h às 21h30, haverá intervenções nos equipamentos de via permanente entre as estações Vila Clarice e Jaraguá. Das 4h às 8h, o intervalo médio dos trens entre as estações Luz e Francisco Morato será de 17 minutos. Das 8h às 21h30, o intervalo médio dos trens entre as estações Luz e Pirituba será de 17 minutos e entre Pirituba e Francisco Morado, de 34 minutos.

Terça: das 7h às 22h, serão realizados serviços no sistema de rede aérea e nos equipamentos de via permanente entre as estações Perus e Caieiras. O intervalo médio dos trens entre as estações Luz e Francisco Morato será de 24 minutos.

Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)

Sábado: das 22h até o fim da operação, em razão de trabalhos nos equipamentos de via permanente entre as estações Imperatriz Leopoldina e Presidente Altino, o intervalo médio dos trens entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 15 minutos.

Domingo: serão realizados serviços nos equipamentos de via permanente entre as estações Imperatriz Leopoldina e Presidente Altino, das 4h às 7h, e entre as estações Carapicuíba e Santa Teresinha, das 8h às 20h. Durante toda a operação comercial, também haverá intervenção no sistema de rede aérea entre as estações Presidente Altino e Osasco. O intervalo médio dos trens entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 15 minutos, das 4h às 7h, e de 20 minutos, das 8h às 20h.

Terça: das 4h até o fim da operação, devido a intervenções no sistema de rede aérea entre as estações Antonio João e Jandira, o intervalo médio dos trens entre as estações Júlio Prestes e Carapicuíba será de 10 minutos e entre Carapicuíba e Itapevi, de 20 minutos. 

Linha 9-Esmeralda (Osasco – Grajaú)

Sábado: das 22h até o fim da operação comercial, a circulação ficará interrompida entre as estações Presidente Altino e Osasco devido a serviços que serão feitos nos equipamentos de via permanente. O usuário que desejar seguir viagem deve utilizar a Linha 8-Diamante. O intervalo médio dos trens entre as estações Presidente Altino e Grajaú será de 15 minutos.

Domingo: durante toda a operação comercial, a circulação continuará interrompida entre as estações Presidente Altino e Osasco para a continuidade dos serviços nos equipamentos de via permanente e para os trabalhos no sistema de rede aérea.  O usuário que desejar seguir viagem deve utilizar a Linha 8-Diamante.

Extensão Linha 11-Coral (Guaianases – Estudantes)

Domingo: das 4h à meia-noite, serão realizadas intervenções no sistema de rede aérea na região da Estação Antonio Gianetti Neto. O intervalo médio dos trens será de 20 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.

Terça: das 4h à meia-noite, prosseguirão os trabalhos na região da Estação Antonio Gianetti Neto. O intervalo médio dos trens será de 20 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.

Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

De Sábado à Segunda: das 20h de sábado até o fim da operação de segunda, estão programadas obras de modernização nos equipamentos de via permanente, no sistema de rede aérea e de implantação da Linha 13-Jade entre as estações Engenheiro Goulart e Comendador Ermelino. O intervalo médio dos trens em toda a linha será de 35 minutos.

Terça: das 4h até o fim da operação, serão realizados serviços nos equipamentos de via permanente entre as estações Tatuapé e Engenheiro Goulart. O intervalo médio dos trens em toda a linha será de 15 minutos.

Linha 15-Prata (Vila Prudente - Oratório)

Domingo: As estações Vila Prudente e Oratório deverão permanecer fechadas ao público até às 16 horas. Durante os serviços, os passageiros também serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE, que circularão entre as estações Oratório e Vila Prudente até o reinicio da operação.

Terça: As estações Vila Prudente e Oratório deverão permanecer fechadas ao público até às 16 horas. Durante os serviços, os passageiros também serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE, que circularão entre as estações Oratório e Vila Prudente até o reinicio da operação.

Na quarta-feira de Cinzas (01/03), a abertura das estações metroviárias das linhas 1-Azul, 2- Verde, 3-Vermelha e 4-Amarela será antecipada para as 4 horas - 40 minutos mais cedo do que o habitual. A medida visa atender os usuários que desembarcam na capital pelos terminais rodoviários Tietê e Jabaquara (integrados à Linha 1-Azul) e Barra Funda (integrado à Linha 3-Vermelha). Nas linhas 5-Lilás e 15-Prata, a abertura das estações ocorrerá no horário habitual, a partir das 4h40.

Desafio: A CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.

Para mais informações sobre a operação da rede metroviária, os usuários têm à disposição a Central de Informações do Metrô (tel. 0800 770 7722), que funciona todos os dias, das 5h30 às 23h30. Já a Central de Atendimento da ViaQuatro (concessionária da Linha 4-Amarela) atende pelo tel. 0800 770 7100, de segunda a sexta-feira, das 6h30 às 22 horas, e aos sábados e domingos, das 8h às 18 horas.

Vimos na CPTM e Metrô/SP

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Linha 12 deve operar parcialmente no pico da tarde

O gerente de relacionamento da CPTM, Sérgio Carvalho, afirmou que, após o descarrillamento de um trem na linha 12 – Safira nesta madrugada, a operação do ramal deve operar parcialmente no pico da tarde desta quinta-feira, 23.

“Nossa expectativa é que no horário de pico da tarde a gente consiga operar pelo menos com uma das vias no local”, afirma Carvalho.

Sérgio diz que os motivos do descarrillamento serão apuradas e que trata-se um acidente grave.

O gerente também pediu que os moradores da região do extreme da linha 12 utilizem os ônibus do sistema PAESE para Calmon Viana, onde podem acessar a Linha 11-Coral.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Trem descarrila na estação Itaim Paulista da CPTM e interrompe circulação na Linha 12-Safira

Um descarrilamento em um trem da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) interdita a Linha 12-Safira, que liga o Brás a Calmon Viana, na manhã desta quinta-feira (23). Ninguém ficou ferido.

O descarrilamento ocorreu por volta da 1h30 perto da estação Itaim Paulista, no sentido Brás, quando a composição seguia para a garagem. O trecho entre as estações Calmon Viana e Itaim Paulista está interditado desde a madrugada. A rede aérea de energia da linha foi afetado e a circulação de trens interrompida. 

De acordo com a assessoria de imprensa da CPTM, a composição não transportava passageiros no momento do descarrilamento. O trem permanece no local e equipes da empresa trabalham para liberar a via e recuperar o sistema de energia. Não há previsão para a liberação da via e normalização do sistema. A linha atende 250 mil passageiros por dia. O motivo do descarrilamento ainda é desconhecido. 

A operação Paese foi acionada para transportar passageiros no trecho afetado. De acordo com a EMTU, foram disponibilizados 80 ônibus, sendo 60 entre as estações Itaim paulista e Calmon Viana e 20 da Calmon Viana e Engenheiro Manoel Feio.

Vimos no G1

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Greve do Metrô em São Paulo pode ser iniciada nesta quinta-feira

Não houve acordo entre metroviários e governo paulista sobre Participação nos Resultados. Assembleia ainda deve decidir eventual paralisação

O Metrô de São Paulo pode ter greve nesta quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017. A decisão ainda vai ser tomada em assembleia na noite de hoje no Sindicato dos Metroviários.

Terminou sem acordo reunião no TRT – Tribunal Regional do Trabalho entre a categoria e o governo do Estado de São Paulo nesta quarta-feira, 22 de fevereiro.

Os trabalhadores pedem pagamento de participação nos resultados referente ao ano passado.

De acordo com os sindicalistas, representantes do Estado disseram que não há verba para o pagamento na reunião. Ainda não houve manifestação formal da Secretaria de Transportes Metropolitanos.

A categoria encontra-se em estado de greve desde 14 de fevereiro.

Caso haja decisão favorável à greve, os trabalhadores ficariam, de braços cruzados por 24 horas.


Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Editais para concessões de 3 linhas do Metrô saem este semestre

O Governo de São Paulo deve lançar em março o edital de concessão conjunta das linhas 5 – Lilás e 17 – Ouro, do Metrô. Ainda no primeiro semestre também deve ser lançado o edital para a linha 15 – Prata. O modelo prevê pagamento de outorga pelas linhas, isto é, quem pagar mais pelas linhas arremata.

O governo prevê receber até R$ 313 milhões pela linha 15. O vencedor terá de se responsabilizar pela operação das estações e pela manutenção dos trens do monotrilho, fabricados pela canadense Bombardier. A ideia é que a concessionária receba R$ 1,50 por cada pasageiro transportado mas o martelo será batido em abril em audiência pública.

No estudo técnico que dá base a proposta da linha 15, a proposta de concessão é justificada como um mecanismo “para o enfrentamento do cenário de operação deficitária da malha metroferroviária do Estado, de forma que a delegação da operação e da manutenção da Linha 15 contribuirá não só para a redução desse déficit, mas também para a geração de receitas para o Estado”.

O secretário dos transportes metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, comenta sobre o valor pago a passageiro transportado: “O passageiro que entrar na Linha 15 circulará por toda a rede. Com esse valor, o parceiro recebe apenas por seu trecho.”

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Fotos mostram obras na Linha 13-Jade

Estação Engenheiro Goulart | Foto: Marcio Saviano

Com as construções iniciadas em 2013, e com a promessa de entregar ao menos obras físicas neste ano, a Linha 13-Jade da CPTM segue sendo erguida em seus 12,2 quilômetros de extensão, se​​ndo 4,3 km em superfície e outros 7,9 km em elevado.

A CPTM trabalha com a possibilidade de entregar a nova ferrovia aos passageiros em 2018. Esta em processo de compra de 8 novos trens, cujo o consórcio formado pela empresa chinesa Sifang e a brasileira Temoinsa, ganharam a licitação. A entrega do material rodante, no entanto, deve chegar apenas em 2019. Mas, se a companhia concluir as obras antes deste prazo, pode usar outras frotas no trecho.

As fotos foram cedidas gentilmente por Marcio Saviano, que esteve recentemente nas obras, e mostra ângulos diferentes:

 Estação Engenheiro Goulart, e a instalação da cobertura em fase final | Foto: Marcio Saviano

Acesso a Estação Engenheiro Goulart | Foto: Marcio Saviano


Estação Engenheiro Goulart no mesmo pavimento das linhas de bloqueios | Foto: Marcio Saviano


 Primeiras escadas rolantes a serem instaladas na Estação Engenheiro Goulart | Foto: Marcio Saviano

 Elevado que deve atravessar a Rodovia Presidente Dutra | Foto: Marcio Saviano

 Estação Aeroporto | Foto: Marcio Saviano

 Vista da plataforma da Estação Aeroporto na conexão com o Aeroporto | Foto: Marcio Saviano

 Vista da cabeceira da pista do Aeroporto de Guarulhos | Foto: Marcio Saviano

 Vista da plataforma da estação Aeroporto sentido estação Cecap | Foto: Marcio Saviano

 Plataforma da estação Aeroporto | Foto: Marcio Saviano


Mais fotos podem ser acessadas neste link

Vimos no Via Trolebus 


Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obras de modernização alteram circulação dos trens da CPTM e Metrô neste fim de semana, 18 e 19 de fevereiro

Neste final de semana, dias 18 e 19 de fevereiro, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) pross​eguirá com as obras de modernização em algumas de suas linhas e o Metrô interditará a a Linha 15-Prata e a Linha 5-Lilás. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e antecipe sua viagem:

Linha 5-Lilás (Capão Redondo - Adolfo Pinheiro)

Domingo: No período  das 4h40 às 12h00, os passageiros serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE (Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência) da SPTrans, que circularão ininterruptamente entre as estações Capão Redondo e Adolfo Pinheiro. Os usuários da Linha 9 - Esmeralda da CPTM, que fazem transferência gratuita para o Metrô na estação Santo Amaro, também serão atendidos pelo sistema PAESE. Já as linhas de ônibus da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU) serão remanejadas das estações Capão Redondo e Campo Limpo para a estação Santo Amaro.

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Domingo: das 4h à meia-noite, serão realizadas obras de modernização no sistema de rede aérea entre as estações Franco da Rocha e Francisco Morato. O intervalo médio dos trens entre as estações Luz e Francisco Morato será de 24 minutos.

Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)

Domingo: das 7h às 17h, em razão das obras de modernização das estações Jardim Silveira e Jardim Belval, o intervalo médio dos trens entre as estações Carapicuíba e Itapevi será de 20 minutos.

Linha 9-Esmeralda (Osasco – Grajaú)

Domingo: das 4h à meia-noite, haverá intervenções no sistema de rede aérea entre as estações Vila Olímpia e Granja Julieta. Das 9h às 19h, o intervalo médio dos trens será de 30 minutos em toda a linha. Nos demais horários, o intervalo será de 25 minutos.

Linha 10-Turquesa (Brás – Rio Grande da Serra)

Domingo: das 7h às 18h, ocorrerão serviços nos equipamentos de via permanente entre as estações Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra. O intervalo médio dos trens entre as estações Mauá e Rio Grande da Serra será de 20 minutos.

Extensão Linha 11-Coral (Guaianases – Estudantes)

Domingo: das 4h à meia-noite, serão realizadas intervenções no sistema de rede aérea entre as estações Guaianases e Ferraz de Vasconcelos. O intervalo médio dos trens será de 22 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.

Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

Sábado e Domingo: das 20h de sábado até o fim da operação de domingo, estão programadas obras de modernização nos equipamentos de via permanente, no sistema de rede aérea e de implantação da Linha 13-Jade entre as estações Engenheiro Goulart e Comendador Ermelino. O intervalo médio dos trens em toda a linha será de 35 minutos.

Linha 15-Prata (Vila Prudente - Oratório)

Domingo: As estações Vila Prudente e Oratório deverão permanecer fechadas ao público até às 16 horas. Durante os serviços, os passageiros também serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE, que circularão entre as estações Oratório e Vila Prudente até o reinicio da operação.

Desafio: A CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.

As informações sobre a operação diferenciada neste domingo também podem ser obtidas nos perfis do Metrô nas redes sociais ou na Central de Informações do Metrô, que atende diariamente, das 5h30 às 23h30, pelo telefone 0800 770 7722.

Vimos na CPTM e Metrô/SP

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

​​CPTM, Metrô e Via Quatro funcionarão uma hora a mais com o fim do horário de verão


Neste final de semana, em razão do fim do horário de verão, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), o Metrô e a Via Quatro irão operar por uma hora a mais de sábado (18/2) para domingo (19/2), quando os relógios serão atrasados em uma hora. 

Com a mudança de horário, os passageiros poderão embarcar até a 1h de domingo (19) do novo horário (2h do horário antigo). No domingo, todas as estações da CPTM reabrem para o público no horário habitual, às 4h. 
 
Em função da mudança, os passageiros poderão embarcar até a 1h do horário novo (2h do horário antigo) nas linhas 1-Azul (Jabaquara-Tucuruvi), 2-Verde (Vila Prudente-Vila Madalena), 3-Vermelha (Corinthians/Itaquera-Palmeiras/Barra Funda) e 4-Amarela (Butantã-Luz), que é operada pela concessionária ViaQuatro. Já nas linhas 5-Lilás (Capão Redondo - Adolfo Pinheiro) e 15-Prata (Oratório - Vila Prudente), as estações permanecerão abertas até a meia-noite do novo horário (1h do horário antigo).

Com a ampliação do horário de circulação dos trens, o número de viagens ofertadas na rede também será maior. Na Linha 1-Azul foram programadas 18 viagens adicionais. Na Linha 2-Verde haverá acréscimo de 22 partidas. Os usuários da Linha 3-Vermelha também se beneficiarão com a medida e contarão com oferta de 21 viagens extras. Na Linha 5-Lilás, a programação prevê 16 viagens a mais. Por fim, na Linha 15-Prata a mudança acrescentará 14 viagens aos usuários.

Para mais informações sobre a operação da rede metroviária, os usuários têm à disposição a Central de Informações do Metrô (tel. 0800 770 7722), que funciona todos os dias, das 5h30 às 23h30.

Já a Central de Atendimento da ViaQuatro (concessionária da Linha 4-Amarela) atende pelo tel. 0800 770 7100, de segunda a sexta-feira, das 6h30 às 22 horas, e aos sábados e domingos, das 8h às 18 horas.

Para mais informações sobre a operação nas Linhas da CPTM, os usuários têm à disposição, o Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) que atende 24 horas, pelo telefone 0800 055 0121 ou pelo site www.cptm.sp.gov.br.​
 
Vimos no Metrô/SP e na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Alckmin promete 9 estações da Linha 5 para este ano

Foto: Mastrangelo Reino/ A2img

O governador Geraldo Alckmin, mais uma vez, prometeu nesta segunda, 13, em evento na AACD, entregar 9 estações da Linha 5 – Lilás, do Metrô, ainda este ano.

“Essa é a chamada ‘Linha da Saúde’, ‘Linha dos Hospitais’, porque atenderá o Hospital do Servidor, o Hospital da AACD, o Hospital Edmundo Vasconcelos e o Hospital São Paulo”, disse Alckmin. “Vai ser uma das linhas mais modernas, totalmente automatizada, assim como a Linha 4-Amarela, que não tem operador”, completou.

As estações Alto da Boa Vista, Borba Gato e Brooklin devem ser entregues até julho. As demais serão entregues até o fim do ano, com exceção de Campo Belo, que fica para 2018.

Foto: Mastrangelo Reino/ A2img

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obras de modernização alteram circulação dos trens da CPTM e Metrô neste fim de semana, 11 e 12 de fevereiro

Neste final de semana, dias 11 e 12 de janeiro, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) pross​eguirá com as obras de modernização em algumas de suas linhas e o Metrô interditará a a Linha 15-Prata e a Linha 5-Lilás. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e antecipe sua viagem:

Linha 5-Lilás (Capão Redondo - Adolfo Pinheiro)

Domingo: No período  das 4h40 às 12h00, os passageiros serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE (Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência) da SPTrans, que circularão ininterruptamente entre as estações Capão Redondo e Adolfo Pinheiro. Os usuários da Linha 9 - Esmeralda da CPTM, que fazem transferência gratuita para o Metrô na estação Santo Amaro, também serão atendidos pelo sistema PAESE. Já as linhas de ônibus da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU) serão remanejadas das estações Capão Redondo e Campo Limpo para a estação Santo Amaro.

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Domingo: das 4h à meia-noite, serão realizadas obras de modernização no sistema de rede aérea entre as estações Franco da Rocha e Francisco Morato. O intervalo médio dos trens entre as estações Luz e Francisco Morato será de 24 minutos.

Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)

Sábado: das 22h até o final da operação comercial, haverá intervenções nos equipamentos de via permanente entre as estações Domingos de Moraes e Imperatriz Leopoldina. O intervalo médio dos trens entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 20 minutos.

Domingo: das 4h às 7h, serão retomados os serviços nos equipamentos de via permanente entre as estações Domingos de Moraes e Imperatriz Leopoldina.  Das 7h às 17h, os trabalhos estarão concentrados na passarela da Estação Quitaúna. O intervalo médio dos trens entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 20 minutos até as 17h.

Linha 9-Esmeralda (Osasco – Grajaú)

Domingo: das 4h à meia-noite, serão realizados serviços no sistema de rede área entre as estações Villa Lobos-Jaguaré e Cidade Jardim. Das 8h às 20h, a circulação de trens ficará interrompida entre as estações Presidente Altino e Osasco, em razão das intervenções nos equipamentos de via permanente. Para prosseguir viagem, o usuário deverá utilizar a Linha 8-Diamante. Durante toda a operação comercial, o intervalo médio dos trens entre as estações Presidente Altino e Grajaú será de 25 minutos.

Linha 10-Turquesa (Brás – Rio Grande da Serra)

Domingo: das 8h30 às 18h, ocorrerão serviços nos equipamentos de via permanente entre as estações Prefeito Saladino e Prefeito Celso Daniel-Santo André. O intervalo médio dos trens em toda a linha será de 25 minutos.
Linha 11-Coral – Expresso Leste (Luz-Guaianases)

Domingo: das 4h à meia-noite, devido aos serviços que serão realizados entre as estações Guaianases e Estudantes, o serviço Expresso Leste vai operar até a Estação Suzano. O intervalo médio dos trens será de 15 minutos.

Extensão Linha 11-Coral (Guaianases – Estudantes)

Sábado: das 20h até o final da operação comercial, haverá intervenções nos equipamentos de via permanente entre as estações Jundiapeba e Mogi das Cruzes. O intervalo médio dos trens entre as estações Guaianases e Estudantes será de 30 minutos.

Domingo: das 4h à meia-noite, os trabalhos prosseguirão entre Jundiapeba e Mogi das Cruzes. O intervalo médio dos trens entre as estações Suzano e Estudantes será de 35 minutos.

Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

Domingo: das 4h à meia-noite, estão programadas obras de modernização nos equipamentos de via permanente, no sistema de rede aérea e de implantação da Linha 13-Jade entre as estações Engenheiro Goulart e Comendador Ermelino. O intervalo médio dos trens em toda a linha será de 25 minutos.

Linha 15-Prata (Vila Prudente - Oratório)

Domingo: As estações Vila Prudente e Oratório deverão permanecer fechadas ao público até às 16 horas. Durante os serviços, os passageiros também serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE, que circularão entre as estações Oratório e Vila Prudente até o reinicio da operação.

Desafio: A CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.

As informações sobre a operação diferenciada neste domingo também podem ser obtidas nos perfis do Metrô nas redes sociais ou na Central de Informações do Metrô, que atende diariamente, das 5h30 às 23h30, pelo telefone 0800 770 7722.

Vimos na CPTM e Metrô/SP

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Comissão deve investigar descarrilamento na Linha 3 do Metrô

Após uma descarrilamento com um trem da frota K, na Linha 3-Vermelha do Metrô de São Paulo, a companhia informou em nota que uma comissão formada por especialistas deve avaliar as causas do incidente.

Um dos carros da composição K15 saiu dos trilhos no meio da tarde após passar por um AMV (aparelho de mudança de via), nas proximidades da estação Corinthians – Itaquera. O trecho entre o terminal e a estação Patriarca ficou inoperante até por volta das 23 horas.

Em 2013, um trem da mesma forma também saiu dos trilhos quando chegava no Terminal Palmeiras-Barra Funda. O Metrô afirma que as composições desta série “apresentam desempenho operacional e de segurança semelhante às demais frotas em operação, novas ou modernizadas”.

A operadora diz ainda que “qualquer conclusão antes da perícia, além de precipitada, seria irresponsável”.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Trem do Metrô descarrila na Zona Leste de São Paulo

Trem descarrilou na Zona Leste de São Paulo (Foto: Reprodução/TV Globo)



Um trem do Metrô descarrilou na Zona Leste de São Paulo nesta terça-feira (7). De acordo com o Corpo de Bombeiros, não houve feridos.

  • Estações Artur Alvim e Corinthians-Itaquera foram fechadas;
  • Circulação na Linha 3-Vermelha ocorria entre as estações Palmeiras-Barra Funda e Patriarca;
  • Integração com a CPTM na estação Itaquera está aberta;
  • Operação Paese com ônibus foi acionada entre as estações Patriarca e Corinthians-Itaquera.

Segundo a assessoria de imprensa do Metrô, o incidente ocorreu por volta das 15h, entre as estações Artur Alvim e Itaquera da Linha 3-Vermelha. As duas estações foram fechadas e não havia previsão de reabertura.


O descarrilamento foi provocado após uma roda sair do trilho. A energia da via foi cortada e os passageiros saíram pela passarela de emergência. Técnicos trabalham no local, mas não há previsão de reabertura das estações. 


A integração com a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) na estação Itaquera está aberta e deve continuar assim após as 17h. Segundo o Metrô, a operação Paese com ônibus foi acionada às 15h40 entre as estações Patriarca e Corinthians-Itaquera.

Por causa do problema, a estação Sé operava com contenção de fluxo. Ou seja, havia controle do número de passageiros na catraca da estação para evitar acidentes e superlotação. A entrada próxima à Catedral da Sé estava fechada. 

O problema refletia também na Linha 1-Azul. Segundo o Metrô, as composições circulavam com velocidade reduzida. 

Entre as estações Patriarca e Palmeiras-Barra Funda, os trens circulam normalmente pelas duas vias. Passageiros reclamavam de mais tempo de espera entre um trem e outro, além de plataformas cheias.


Críticas

A Federação Nacional dos Metroviários (Fenametro), órgão sindical que reúne as principais entidades representantes dos trabalhadores do Metrô e dos trens, criticou a situação nos trilhos. 

“A situação é bem crítica, pois existe um estrago na via entre a estação Patriarca e Artur Alvim até Itaquera. Então são cerca de dois quilômetros de via com equipamentos quebrados”, disse o diretor de comunicação da Fenametro, Alex Santana. 

Sobre o incidente desta terça, Santana disse que um passageiro informou ruído estranho. “Um operador na estação Artur Alvim definiu que seria recolhido o trem para manutenção, mas não houve tempo e no meio do caminho houve descarrilamento.” 

O G1 procurou a assessoria de imprensa do Metrô para questionar as críticas feitas pela federação e aguardava resposta.

Vimos no G1

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Justiça autoriza aumento das tarifas da EMTU

A Justiça de São Paulo suspendeu a liminar que barrava o aumento das passagens dos ônibus da EMTU. O aumento da integração do Metrô/CPM e ômibus da SPTrans continua suspenso.

A gestão Alckmin ainda não decidiu quando e como os preços serão reajustados.

Em sua decisão, o presidente do TJ, desembargador Paulo Dimas de Bellis Mascaretti, considerou que proibir o aumento da tarifa dos bilhetes da EMTU pode causar “lesão à ordem e economia públicas” e um prejuízo de R$ 212 milhões.

O desembargador considerou que reajuste das tarifas da EMTU acompanhou a inflação, ao contrário do que ocorreu nos preços das passagens de integração do Metrô e CPTM. “Os reajustes das tarifas da EMTU foram lineares, fixados com base em critérios objetivos previstos contratualmente e não extrapolaram os índices inflacionários”, afirmou o desembargador.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obras de modernização alteram circulação dos trens da CPTM e Metrô neste fim de semana, 04 e 05 de fevereiro

Neste final de semana, dias 04 e 05 de fevereiro, a CPTM prosseguirá com as obras em algumas de suas linhas e o Metrô interditará a Linha 15-Prata. Por isso, os trens circularão com maiores intervalos em trechos e horários específicos. Confira a programação e planeje sua viagem:

Linha 7-Rubi (Luz – Francisco Morato)

Sábado: das 9h30 às 15h30, serão realizados os trabalhos de contenção do talude entre Perus e Caieiras. O intervalo médio dos trens das viagens entre as estações Luz e Perus será de 15 minutos e das viagens entre Luz e Francisco Morato será de 30 minutos.

Domingo: das 4h à meia-noite, serão realizadas obras de modernização no sistema de rede aérea entre as estações entre Caieiras e Franco da Rocha. O intervalo médio dos trens das viagens entre as estações Luz e Pirituba será de 15 minutos e das viagens entre Luz e Francisco Morato será de 30 minutos.

Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi – Amador Bueno)

Sábado: das 22h até o final da operação comercial, serão realizados serviços nos equipamentos de via permanente entre as estações Osasco e Comandante Sampaio e entre as estações Antonio João e Barueri. O intervalo médio dos trens entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 20 minutos.

Domingo: das 4h às 7h, serão retomados os serviços no equipamento de via permanente nos dois trechos. Das 4h até meia-noite, também serão realizadas intervenções no sistema de rede aérea entre as estações Barra Funda e Imperatriz Leopoldina. Também serão realizadas intervenções no sistema de sinalização entre as estações Jandira e Itapevi, das 23h até o fim da operação. O intervalo médio dos trens entre as estações Júlio Prestes e Itapevi será de 25 minutos.

Linha 9-Esmeralda (Osasco – Grajaú)

Sábado e Domingo: das 22h de sábado até as 7h de domingo, a circulação ficará interrompida entre as estações Osasco e Presidente Altino devido à serviços no equipamento de via permanente no trecho. Para prosseguir viagem, o usuário deve utilizar a Linha 8-Diamante. Das 22h de sábado até o fim da operação, o intervalo médio dos trens será de 15 minutos entre Presidente Altino e Grajaú. 

Extensão Linha 11-Coral (Guaianases – Estudantes)

Domingo: das 4h até o fim da operação comercial, haverá serviços no sistema de rede aérea entre as estações Suzano e Jundiapeba. O intervalo médio dos trens entre as estações Guaianases e Estudantes será de 20 minutos.

Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

Sábado e domingo: das 9h de sábado até o fim da operação de domingo, haverá obras de modernização nos equipamentos de via permanente, no sistema de rede aérea e obras de implantação da Linha 13-Jade na região entre as estações Tatuapé e USP Leste. O intervalo médio dos trens em toda a linha será de 25 minutos.

Linha 15-Prata (Vila Prudente - Oratório)

Domingo: As estações Vila Prudente e Oratório deverão permanecer fechadas ao público até às 16 horas. Durante os serviços, os passageiros também serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE, que circularão entre as estações Oratório e Vila Prudente até o reinicio da operação.

Desafio: a CPTM ressalta que executar as obras de modernização, mantendo simultaneamente o atendimento aos usuários, é um grande desafio. As ações exigem medidas como promover intervenções em horários de menor movimentação de passageiros aos finais de semana, feriados e madrugadas.

Em caso de dúvidas ou informações complementares, a CPTM coloca à disposição o Serviço de Atendimento ao Usuário: 0800 055 0121.

Para informar sobre as mudanças programadas, haverá emissão de mensagens sonoras pelos sistemas de som das estações e dos trens, colocação de cartazes e publicação de informativos nas redes sociais. O Metrô recomenda aos usuários que programem suas viagens e adquiram os bilhetes antecipadamente.

Em caso de dúvidas, os usuários têm à disposição a Central de Informações do Metrô (0800 770 7722), que atende diariamente, das 5h30 às 23h30. Já a Central de Atendimento da Via Quatro (0800 770 7100) atende de segunda a sexta-feira, das 6h30 às 22 horas, e aos sábados e domingos, das 8h às 18 horas.

Vimos na CPTM e Metrô/SP
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Linha 7 Rubi recebe 7º novo trem da série 8500

O Governo do Estado de São Paulo entregou o sétimo trem novo para a Linha 7-Rubi [Luz-Francisco Morato-Jundiaí], da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM. De acordo com a administração estadual, serão 19 novas composições a operarem no trecho.

O trem da série 8500 foi o 9º a ser entregue. Os dois primeiros prestam serviços na Linha 11-Coral. Fazem parte de um lote com 65 composições novas.

A Linha 7-Rubi transporta em média 400 mil usuários dia e tem 60,5 quilômetros de extensão. “Essa linha é a que tem mais trens antigos, trens da década de 50 e mais de 60 anos de uso. Então, esses trens estão sendo substituídos por vagões contínuos, do primeiro ao oitavo vagão. O trem possui câmera de vídeo, ar-condicionado, motorização melhor. É o que há de mais moderno no mundo”, afirmou o Governador Geraldo Alckmin.

Vimos no Via Trolebus

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Metrô de São Paulo vai ampliar o serviço gratuito de internet em suas estações e convida você a conhecer e participar desta importante iniciativa

A partir do próximo dia 5 de fevereiro, e até o dia 1º de março, quando deverá passar a funcionar plenamente o novo serviço de wifi, ampliado para 40 estações, você poderá acompanhar a implantação da iniciativa – e contribuir com sua valiosa opinião – já que o sinal estará aberto em caráter de teste, possibilitando a introdução de aperfeiçoamentos técnicos.

O projeto, englobando 20 estações em sua primeira etapa (em 19 de fevereiro começa a fase final, totalizando 40 estações), abrangerá a disponibilização de sinal de internet tanto nas áreas livres como nas pagas das estações (à exceção das plataformas, por medida preventiva de segurança), além da troca de equipamentos e a ampliação do sinal nas seis estações que já disponibilizam o serviço.

Você deverá se cadastrar para realizar a conexão, preenchendo seu nome, e-mail e telefone, e aceitando as condições de utilização na tela que se abrirá automaticamente após a seleção do wifi gratuito da estação. Será possível também para o seu cadastramento o uso dos dados do Facebook ou Linkedin. Cada pessoa poderá usar a rede por 15 minutos. Após este período, a reconexão poderá ser realizada a qualquer momento e será exibida uma página com a mensagem “Bem Vindo de Volta” – evitando que um novo cadastro seja feito. Não haverá limitação para o número de acessos.

No wifi no Metrô, você terá internet com velocidade média de 1mbps, banda suficiente para uma boa experiência de navegação em sites, redes sociais, aplicativos de comunicação e envio de e-mails. Em média, será possível mais de 400 acessos simultâneos e nas estações de maior fluxo a capacidade deverá superar 2.000 usuários, em função da infraestrutura de fibra óptica (além de equipamentos de propagação de wifi para alta densidade de usuários, similares aos existentes no Metrô de Paris e no Eurotúnel).

O acordo do Metrô com a empresa privada N1 Telecom, que implantará e será responsável pelo serviço, prevê que as estações com wifi terão uma sinalização especial, informando sobre a disponibilidade do serviço. Em algumas estações, também haverá, nos mezaninos, pontos para carregamento de bateria de celular e banquetas para maior conforto dos usuários.

A partir de 5 de fevereiro, você poderá usufruir de wifi ativado nas seguintes estações do Metrô:

Linha 1-Azul: Armênia, São Joaquim, Vergueiro, Paraíso, Ana Rosa, Santa Cruz, Santana e Jabaquara.

Linha 2-Verde: Brigadeiro, Trianon-Masp, Tamanduateí e Vila Prudente.

Linha 3-Vermelha: Marechal Deodoro, Santa Cecília, Brás, Patriarca, Carrão, Vila Matilde, Guilhermina-Esperança e Sé.

E a partir de 19 de fevereiro, nas estações:

Linha 1-Azul: São Bento, Luz, Portuguesa-Tietê, Vila Mariana e Tucuruvi.

Linha 2-Verde: Consolação, Clínicas, Vila Madalena e Sacomã.

Linha 3-Vermelha: Tatuapé, Corinthians-Itaquera, Artur Alvim, Penha, República, Anhangabaú, Bresser, Belém e Palmeiras-Barra Funda.

Linha 5-Lilás: Santo Amaro e Largo Treze.

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Acompanhe as obras da linha 13 - Jade


Neste mês, começa uma nova campanha institucional informando a população sobre a implantação da nova linha, com placas distribuídas no trajeto paralelo à rodovia Hélio Schimdt.

As obras civis de implantação da Linha 13-Jade, que ligará a capital paulista ao aeroporto internacional de Guarulhos, avançam em todos os lotes. Com um total de 12,2 km de extensão, a linha terá três estações: Aeroporto-Guarulhos, Guarulhos-Cecap (novas) e Engenheiro Goulart (em reconstrução).

Para este ano, está prevista a entrega da Estação Engenheiro Goulart, que está sendo reconstruída para ser o ponto de conexão entre as linhas 12-Safira (Brás-Calmon Viana) e 13-Jade. Até o final do próximo ano, as obras civis devem estar concluídas. 

A nova linha beneficiará tanto os moradores da capital como de Guarulhos, particularmente, os usuários do transporte público e do aeroporto internacional. A demanda projetada indica que a Linha 13 deverá atender inicialmente cerca 120 mil passageiros por dia útil. 

O investimento na implantação da Linha 13-Jade é da ordem de R$ 2,2 bilhões, dos quais R$ 1,1 bilhão (€ 300 milhões) é oriundo do financiamento da AFD, para as obras civis e parte dos sistemas de energia, telecomunicações e sinalização. O BNDES está financiando R$ 430 milhões. Outros R$ 320 milhões (€ 85 milhões) foram obtidos junto ao Banco Europeu de Investimento (BEI) para compra de oito trens. A contrapartida do Governo do Estado é da ordem de R$ 330 milhões.​​

Vimos na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Equipe de manutenção atua na linha 7 - Rubi


Durante toda a noite da última segunda-feira (30/01), uma equipe de manutenção trabalhou para restabelecer a rede elétrica da Linha 7-Rubi atingida por um raio, por volta das 17h, durante temporal que caiu nos municípios de Francisco Morato e Franco da Rocha. 

O raio danificou a rede elétrica de alimentação dos trens em 3.000 volts. Por causa dessa ocorrência, foi necessário interditar uma das vias e os trens circularam com velocidade reduzida, impactando no intervalo. Para reforçar o atendimento dos usuários, no horário de pico da tarde, a CPTM acionou a Operação PAESE com ônibus gratuitos percorrendo o trecho entre as estações Franco da Rocha e Francisco Morato. Sem interromper a operação dos trens, a equipe conseguiu recuperar a rede elétrica e, às 23h30, os trabalhos foram concluídos.

Vimos na CPTM

Comentários
0 Comentários

0 comentários: